5 Dicas para Proteger o seu Smartphone de Hackers
Compartilhar

Os smartphones são como pequenos computadores que contam com programas específicos. Bem como os PCs, celulares também devem ter proteção para garantir que hackers não acessem os seus dados. Por isso, conhecer algumas dicas para proteger o seu dispositivo móvel faz toda a sua diferença ao usá-lo.

#1 – Use bloqueios de aplicativos

A primeira dica para quem deseja proteger mais o smartphone contra ataques de hackers é definir bloqueios de tela e aplicativos específicos. Visto que os bloqueios garantem que, mesmo que terceiros acessem o seu dispositivo, eles não consigam entrar em apps que você considera críticos para os seus dados.

Exemplos de aplicativos que contam com informações críticas são apps de bancos, redes sociais, bem como programas que contém muitos dados seus. Nesse caso, o ideal é bloquear o acesso a esses apps com senhas específicas. Esse recurso pode ser usado com você baixando aplicativos que oferecem essa opção, bem como usando o próprio sistema operacional do seu dispositivo.

No caso do Android, por exemplo, você tem a vantagem de poder definir até mesmo um bloqueio da tela do seu aparelho. Dessa maneira, a pessoa que obtiver acesso ao seu dispositivo móvel não conseguirá entrar na sua área de trabalho sem saber qual é o código de desbloqueio do seu smartphone.

#2 – Ative a verificação em duas etapas

A verificação em duas etapas tem um impacto direto na possibilidade do seu dispositivo ser hackeado. Já que esse recurso permite que o acesso a determinados aplicativos só seja realizado se você receber uma chamada, mensagem no WhatsApp, ou então um código via SMS.

Uma maneira de ativar a verificação em duas etapas e ter ainda mais segurança é usar o WhatsApp como método de verificação de identidade. Afinal, esse aplicativo de conversação também conta com a possibilidade de você bloquear o acesso a ele com uma senha específica. Dessa forma, você receberá um código em seu WhatsApp e, ao mesmo tempo, deverá saber a senha para desbloqueá-lo.

Isso garante proteção adicional para que o seu dispositivo não seja hackeado. Como dica extra, vale a pena usar outro dispositivo móvel como método de verificação para um de seus aparelhos. Caso você tenha dois smartphones disponíveis, solicite a verificação em duas etapas em outro aparelho. Entretanto, certifique-se de ter acesso a ambos para evitar problemas.

#3 – Navegue usando uma VPN

Os navegadores como Google Chrome e Safari, bem como outras opções disponíveis no mercado, contam com a possibilidade de você navegar de forma anônima em sites. Apesar de parecer um recurso bem superficial, ele tem impacto direto na segurança e proteção de suas informações.

Afinal, ao navegar no modo anônimo, você não terá a sua atividade rastreada pelo site que você entrou. Bem como terá mais proteção para os dados que você compartilha com cada site que acessa em seu smartphone. Para habilitar esse recurso basta escolher a opção de nova janela, e optar pela janela anônima.

Caso você queira uma navegabilidade ainda mais protegida, poderá usar recursos adicionais que garantem a proteção de seus dados. Um exemplo é o VPN para Linux, Windows ou Mac, pois ele oferece criptografia avançada de suas informações e ainda mais segurança para os seus dados.

#4 – Priorize aplicativos de fontes confiáveis

Outra boa prática muito importante para proteger o seu dispositivo de hackers é baixar apenas aplicativos de fontes confiáveis. Ou seja, dê prioridade para os apps que estão disponíveis na Google Play ou na Apple Store. Já que esses aplicativos são rigorosamente auditados para serem disponibilizados para download.

Algumas empresas disponibilizam aplicativos de fontes desconhecidas. Isso permite que você tenha uma experiência diferenciada com determinado site. Entretanto, pode impactar no uso do seu dispositivo, já que um vírus pode ser instalado e comprometer completamente o seu smartphone.

#5 – Use antivírus

Seja você um motorista de aplicativo ou profissional de qualquer outra área, a última dica para manter hackers longe do seu dispositivo móvel é usar um antivírus. Esses softwares garantem que os seus programas sejam protegidos de ataques de terceiros. Em caso de ameaça, é comum que o antivírus avisa que o seu sistema está em risco e você deve agir para protegê-lo.

É importante sempre manter o seu antivírus atualizado. Assim, o seu smartphone estará sempre com os últimos recursos disponíveis para garantir que as suas informações estão protegidas.

Comece a proteger o seu smartphone

Use as 5 dicas compartilhadas acima e deixe o seu smartphone ainda mais protegido. Certifique-se de definir senhas que você lembrará. Bem como checar se o aplicativo que você está baixando é mesmo confiável lendo a revisão de outras pessoas que o baixaram. Em suma, quanto mais você proteger o seu dispositivo, mais problemas você evitará.

Lojas em Destaque
Relacionados
Assine nossa nesletter

Quer receber novidades e dicas quentes da Tec8? Digite abaixo seu e-mail e assine nossa newsletter.


Parceria Tec8 Quer ser parceiro do Tec8? Entre em contato. Entrar em Contato